Focando-se na ajuda e não na reclamação

Passos a seguir:
1) O primeiro passo para ajudar um viciado em drogas é que a pessoa esteja consciente do seu vício. É necessário identificar se a pessoa é viciada em drogas para falar com ela e fazê-la entender o perigo dos seus hábitos e a importância de começar um tratamento para superar o vício. Para que a pessoa entenda que tem um problema é fundamental fazê-la perceber os sintomas e sinais do seu vício e o risco que representam para a sua vida e a sua saúde física e mental.

2) Quando o viciado em drogas reconhecer que tem um problema, deve ajudá-lo a colocar limites. O ideal seria começar restringindo o contato com as pessoas e atividades que representam uma tentação: amigos que também se droguem, festas e qualquer outro comportamento que convide ao consumo. No geral este passo é muito difícil de dar, mas uma boa forma de o conseguir é comunicar a estas amizades prejudiciais o interesse da pessoa por abandonar o vício.

3) Quando se trata de ajudar um viciado em drogas é importante que a comunicação seja baseada no respeito. Jogar na cara os erros cometidos ou as consequências negativas do seu vício não ajudará a pessoa a sentir-se apoiada, pelo contrário, pode levá-la a uma recaída. A comunicação com o viciado em drogas deve ser sempre feita a partir do entendimento do problema, focando-se na ajuda e não na reclamação....continua 

Comentários